Anchieta no coração da Amazônia

Jesus nasceu para dar sentido à vida
26 de dezembro de 2019
Retrospectiva 2019 | Os 10 fatos mais marcantes do Santuário de Anchieta
31 de dezembro de 2019

A devoção a São José de Anchieta que nasceu no coração da Amazônia, sob a proteção de Nossa Senhora de Nazaré.

 

Em solenidade, com direito a procissão, fanfarra e fogos a relíquia de São José de Anchieta foi recebida na cidade de Belém do Pará, pelo Bispo Auxiliar Dom Irineu e o pároco Padre Waldinei, na Paróquia São José de Anchieta cuidada pelos Padres Providentinos. A relíquia ex ossibus de São José de Anchieta foi conduzida à cidade que fica localizada no coração da Amazônia pelo Padre Nilson Marostica, reitor do Santuário Nacional de São José de Anchieta.

A devoção nasceu na simplicidade de uma construção pequena e simples que necessitava de um padroeiro e que neste ano foi elevada à paróquia, como explica o padre Nilson.

Escolheram José de Anchieta porque tinha tudo a ver com a realidade indígena do povo do local. E assim ficou. Mas escolheram especialmente porque ele exerceu sua santidade aqui no Brasil

Deus assim quis que Anchieta desse frutos de santidade no Brasil, nesta terra até então totalmente desconhecida. E aqui Anchieta produziu e continua a produzir muitos e bons frutos. Em especial, o doce fruto da devoção mariana e o fruto das férteis sementes de obediência ao sucessor de Pedro. E foi nesse contexto que Anchieta foi encontrar Maria de Nazaré, no coração da Amazônia, às portas da abertura do Sínodo da Amazônia, convocado pelo Papa Francisco.

Um presente especial

Uma réplica da imagem de Nossa Senhora de Nazaré foi especialmente preparada para ser entregue como presente ao reitor do Santuário. A imagem tem em seu manto um bordado com o brasão com a imagem de São José de Anchieta. Agora, esta imagem é carinhosamente guardada no Santuário de Anchieta e será sempre uma recordação da presença de Nossa Senhora e de São José de Anchieta no coração da Amazônia.

A relíquia foi preparada pelo Santuário Nacional de São José de Anchieta, no Espírito Santo, o estado que guarda a terceira maior festa mariana do Brasil, a Festa da Penha, que é precedida justamente pelas festas de Nossa Senhora Aparecida e do Círio de Nazaré, celebrado em Belém do Pará.

Réplica da imagem de Nossa Senhora de Nazaré na sacristia do Santuário Nacional de São José de Anchieta.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Precisando de ajuda?